Home » Noticías » CONSELHO TÉCNICO CIENTÍFICO DA FUNDAÇÃO CHAPADÃO ELABORA PROGRAMA DE PESQUISA SAFRA 2015/16

CONSELHO TÉCNICO CIENTÍFICO DA FUNDAÇÃO CHAPADÃO ELABORA PROGRAMA DE PESQUISA SAFRA 2015/16



30 set 2015 | Deixar um comentário

foto-012Os membros do Conselho Técnico Científico (CTC) da Fundação Chapadão, estiveram reunidos dias 14, 17 e 22 de setembro, juntamente com os pesquisadores da Fundação Chapadão montando o programa de trabalho a ser implantados nas culturas da soja, milho, algodão, culturas de safrinha e inverno para a safra 2015/16. O Conselho Técnico Científico é composto por gerentes de fazendas, professor da UFMS curso de agronomia de Chapadão do Sul, filhos de produtores e produtores associados num total de 16 membros, os quais foram eleitos na última Assembleia Geral Ordinária, com mandato de 3 anos, sendo estes responsáveis anualmente pela elaboração e acompanhamento do programa de pesquisa a ser executado por cada pesquisador em suas distintas áreas de conhecimento da Fertilidade do Solo, Fitossanidade e Fitotecnia.

Com a definição destas ideias os pesquisadores tem até meados de outubro para procederem todos os ajustes necessários a implantação do programa de pesquisa que serão implantados à campo na safra 2015/16. A implantação dos trabalhos à campo inicia em outubro e tão logo definidos os pesquisadores definem quando serão os dias de campo para apresentação dos resultados aos produtores.

Para o presidente da Fundação o empresário rural Adriano Loeff, este tipo de programa é de fundamental importância pois são nos os produtores, nossos gerentes que fazem parte do CTC que promovem a ligação entre a necessidade da pesquisa com a efetiva aplicação desta nas propriedade, assim se torna mais fácil a adoção das técnicas, pois sendo os membros do conselho nossa própria equipe de trabalho de campo, isto faz com que a pesquisa gerada na Fundação tenha sua aplicação direta e instantânea, gerando os resultados econômicos, técnicos e ambientais necessário a produção para que continuemos a produzir de forma sustentável.

O foco principal a ser dado pela pesquisa nesta safra será no manejo de nematoides, mancha alvo, controle e manejo de percevejo e lagarta falsa medideira, no setor de fertilidade deverá ser focada na dinâmica do manejo dos solos dando continuidade no programa de estudo do sistema de produção, afirma o diretor Edson Borges.



  |    |  Imprimir este artigo Imprimir este artigo   |  

Deixar um comentário